Harmonização facial – preenchedores faciais são a melhor opção?

smartmoldsss harmonização definitiva

As próteses faciais permanentes foram, primeiramente, desenvolvidas para serem usadas em cranioplastias e em casos de síndromes faciais. Com o tempo, percebeu-se que essa tecnologia poderia ser usada para outros fins. Por que não permitir que o paciente escolha aumentar a estrutura óssea do rosto – a fim de uma harmonização? Sendo assim, uma  nova solução foi desenvolvida, o Smartmold. 

A harmonização facial é composta por um conjunto de procedimentos, invasivos ou não, que pretendem trazer mais harmonia à face. Dentre esses procedimentos, é muito comum o aumento da estrutura óssea, por exemplo, nas maçãs do rosto: aperfeiçoando o  formato e tornando a face mais harmônica ao criar ângulos e simetrias.

O processo de aumento da estrutura óssea para harmonizar o rosto é costumeiramente feito com preenchedores faciais, como o ácido hialurônico. Porém, como dito anteriormente, existe uma alternativa, o Smartmold. Além de ser uma solução em PMMA sólido, desenvolvida pela CPMH, especialmente para atender as demandas estéticas dos pacientes, é personalizado e feito sob medida, já que é pensado, planejado e fabricado segundo as particularidades anatômicas de cada pessoa. Por ser uma solução sob medida, o Smartmold apresenta algumas vantagens em relação aos preenchedores. Para que fique mais claro, veja esta comparação entre o ácido hialurônico e o Smartmold:Ácido hialurônico – biocompatível; existe potencial inflamatório; não apresenta toxicidade; fácil manuseio, desde que tenha conhecimento da técnica; tem potencial migratório; apresenta durabilidade variada; é reabsorvido pelo organismo; é difícil reproduzir as aplicações; baixa dor, anestesia; e custo alto devido a múltiplas aplicações. 

Smartmold – biocompatível; existe potencial inflamatório; não apresente toxicidade, pois estamos falando de PMMA sólido, protese feito pré-operatória; fácil manuseio, desde que tenha conhecimento da técnica; não tem potencial migratório, pois é fixada com parafusos de titânio; permanente, mas pode ser removido com facilidade; não é reabsorvido pelo organismo e acompanha o envelhecimento da face; por conta do planejamento cirúrgico virtual, o resultado é próximo do esperado; baixa dor, anestesia; e custo inicial mais alto, mas único. 

Os dois tipos de materiais, apesar de seguros, podem trazer riscos – como as infecções. Visto que o Smartmold recebe um tratamento com Vancomicina, que é o antibiótico frequentemente utilizado para próteses, as taxas de infecções no uso do Smartmold são mitigadas, tornando-o mais seguro. Além disso, outro fator que diminui os riscos de infecção é o produto ser sob medida, já que, desta maneira, a prótese se encaixa perfeitamente na anatomia do paciente, gerando estabilidade e diminuição das taxas de infecção. 

Pensando na harmonização facial como um conjunto de procedimentos estéticos focados no fortalecimento da autoestima, poder tomar escolhas sobre o próprio corpo é algo muito importante. Com isso em mente, o Smartmold, mesmo sendo um implante facial permanente, pode ser removido com facilidade, trazendo o conforto da escolha para o usuário. Outro ponto que deve ser destacado é em relação ao envelhecimento com o Smartmold. O envelhecimento é um processo natural, acontecendo tanto em tecidos moles- como a gordura e a pele-, quanto em tecidos ósseos. Com o passar dos anos, ocorre uma diminuição da altura, da profundidade e da largura facial, pois as estruturas ósseas, maxilar e mandíbula, são absorvidas naturalmente pelo organismo. O Smartmold, diferente dos preenchimentos, acompanha essa remodelação óssea e promove um envelhecimento suave, mantendo os ângulos e a simetria que o paciente buscou com o uso dos implantes faciais. 

A autoestima está diretamente ligada à saúde mental, ela contribui para a diminuição de diversos problemas, tais como a ansiedade e o estresse. Sendo assim, pode-se afirmar que  estar bem consigo mesmo traz qualidade de vida, saúde, motivação e confiança. 

A CPMH sempre está buscando inovações tecnológicas seguras que possam trazer benefícios à qualidade de vida individual e coletiva. O Smartmold é mais uma dessas tecnologias. Quer saber um pouco mais sobre essa solução? Temos, aqui em nosso blog, outros posts que podem lhe ajudar a entender mais sobre. Além disso, siga-nos no instagram, lá, disponibilizamos vários materiais interessantes sobre as tecnologias que a CPMH desenvolve, inclusive, sobre o Smartmold e a harmonização facial. 

 

Referências:

ÁVILA, M. A. Harmonização orofacial ajuda a aumentar a autoestima e ter mais qualidade de vida. Hoje em dia, 19 mar. 2021. Disponível em: https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/harmonização-orofacial-ajuda-a-aumentar-a-autoestima-e-ter-mais-qualidade-de-vida-1.829259.

FLORIANI, F. M.; MARCANTE, M. D. S.; BRAGGIO, L. A. Autoestima e autoimagem: a relação com a estética. TCC (graduação em Cosmetologia e Estética) – Universidade do Vale do Itajaí, Balneário Camboriú, 2010.

WEBNÁRIO – Implantes faciais permanentes e customizados, 2020. 1 vídeo (1 horas 12 minutos e 37 segundos). Publicado pelo canal CPMH Digital. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=BUCu1p0VCLQ. 

    Write a comment
    Open chat
    1
    Olá!
    Como podemos te ajudar?